GMV participa no arranque do projecto GEODE

Como parte do consórcio, liderado pela FDC, GMV participou na reunião de lançamento da GEODE realizada a 8 de Fevereiro.

geode

O GEODE (GalilEO for EU DEfence) é um passo crucial e decisivo no desenvolvimento do segmento de utilizadores militares do Serviço Público Regulamentado (PRS) de Galileo e um dos mais ambiciosos projectos de cooperação em matéria de defesa lançados sob a égide do Programa Europeu de Desenvolvimento Industrial de Defesa (EDIDP) da Comissão Europeia. Co-financiada pela Bélgica, Alemanha, Itália, França e Espanha, a GEODE está a ser apoiada pela UE com uma subvenção de cerca de 44 milhões de euros.

O projecto GEODE visa aumentar a competitividade da indústria da UE na área altamente estratégica de posicionamento, navegação, cronometragem e sincronização (PNT) para usos de defesa e fornecer às forças armadas da UE a capacidade de utilizar o Serviço Público Regulamentado do sistema Galileu (PRS). O projecto será executado por um consórcio composto por 30 empresas de 14 países da UE, incluindo a GMV como parte da contribuição espanhola.

A equipa industrial espanhola, constituída pela GMV, Indra e Tecnobit, está a assumir a responsabilidade de alto nível no projecto para o desenvolvimento completo da solução para plataformas militares navais (receptor GNSS/PRS com módulo de segurança e antena CRPA). A GMV é responsável pela integração do sistema receptor GNSS/PRS e, em particular, pelo desenvolvimento de todas as funções de processamento do sinal, navegação e sincronização do receptor.

A GEODE irá fornecer à indústria da UE as ferramentas necessárias para participar em condições de igualdade no mercado de PNT da defesa, numa altura em que a centralidade do GPS para aplicações militares dá supremacia à indústria dos EUA. Irá também reforçar a capacidade militar e a autonomia da UE e maximizar os benefícios do programa Galileo, encorajando a aceitação do seu importante serviço PRS.

 

Este projecto recebeu financiamento do Programa Europeu de Desenvolvimento Industrial da Defesa (EDIDP) ao abrigo do acordo de subvenção nº EDIDP-PNTSCC-2019-039-GEODE


Est artigo reflecte apenas o ponto de vista do autor. A Comissão e os Estados-Membros da UE que participam no projecto Geode não são responsáveis por qualquer utilização que possa ser feita das informações aqui contidas