GMV funde a sua filial aeroespacial alemã com a empresa INSYEN AG

A GMV GmbH, filial aeroespacial alemã, pertencente à GMV, e a INSYEN AG, empresa alemã lider no campo das operações de missões espaciais, subscreveram um acordo de fusão para criar uma companhia GMV-INSYEN AG, a qual permanece integrada dentro do conjunto de sociedades do grupo GMV.”

A GMV conta desde 2009 com uma filial na Alemanha, sediada em Darmstadt, embora a sua relação com o país tenha a sua origem em 1984, ano em que a empresa obteve o seu primeiro contrato para o European Space Operation Center (ESOC) da ESA. A este projecto seguiram-se outros com o ESOC e mais tarde com o EUMETSAT, as duas principais instituições espaciais sediadas em Darmstadt. Durante mais de 30 anos, a GMV conseguiu colocar-se como primeira contratada do ESOC em análises de missão, dinâmica de voo, navegação, sistemas de controlo de missão e como fornecedora de referência do EUMETSAT em sistemas de dinâmica de voo, controlo de missão, planeamento de missão e processamento de dados. Além disso a GMV é importante fornecedora do ESOC em sistemas de simulação, software de estações terrestres e "space debris" (lixo espacial). Com esta fusão, a GMV reforça a sua posição no sector espacial alemão e consolida a sua liderança global no segmento terrestre e nas operações de satélite.

control center

INSYEN é uma empresa alemã de média dimensão, com um sólido historial no desenvolvimento de projectos de alta tecnologia para a indústria aerospacial. Conta com uma equipa multinacional e com uma base de clientes que inclui, entre outros, o Centro Aerospacial Alemão (DLR), a organização púlbica alemã DLR GfR, a Agência do GNSS Europeu (GSA), o operador meteorológico EUMETSAT e a empresa canadiana L3 WESCAM, fabricantre de torretas electro-ópticas e de infra-vermelhos (EO/IR). A maior parte do seu trabalho centra-se na concepção, operação e desenvolvimento de serviços de engenharia para grandes instalações como, por exemplo, o Centro de Controlo de Columbus em Oberpfaffenhofen (Alemanha) e a assistência às operações da Estação Espacial Internacional (ISS) e Galileo. Além disso, a empresa desenvolveu vários produtos derivados da sua experiência nesses projectos, nomeadamente simuladores e outras ferramentas de apoio às operações espaciais, assim como sistemas de software crítico para as missões espaciais.

A fusão GMV-INSYEN conta com um efectivo superior a 120 empregados, estando centrada nos negócios existentes da GMV GmbH e da INSYEN, bem como no reforço do desenvolvimento de actividades de apoio às operações no DLR, ESOC, EUMETSAT e outros clientes do sector espacial. Por outro lado, esta fusão possibilitará a futura exploração de importantes sinergias comerciais, tecnológicas e operativas que permitirão multiplicar o crescimento da nova empresa e o seu envolvimento em programas espaciais europeus e alemães.