Foi lançado ao espaço o satélite BRISat com tecnologia da GMV

No dia 20 de Junho foi lançado ao espaço o foguete Ariane-5 com dois satélites de telecomunicações da Space Systems Loral (SSL): o EchoStar XVIII para difusão de televisão e o BRISat para reforçar a segurança de transacções bancárias.

BRIsat é um satélite geoestacionário de comunicações baseado na plataforma LS-1300, construído pela SSL e pertencente ao Bank Rakyat Indonesia (BRI), o banco mais antigo e maior da Indonésia.

Brisat

Nos últimos anos a GMV teve ocasião de dar assistência a numerosos satélites baseados nesta plataforma da SSL (Amazonas 3, Hispasat 1E, NBNCO-1A, NBNCO-1B, Star One C4, Star One D1 ou Thor 7) sendo novamente seleccionada em 2015 pelo fabricante norte-americano para o desenvolvimento e instalação do centro de controlo do BRISat.

O projecto desenvolvido pela GMV fundamentou-se na sua enorme experiência em provisão deste tipo de centros. A GMV desenvolveu e instalou o centro de controlo do BRIsat, incluindo o sistema de processamento em tempo real de telemetria e comando baseado no seu produto hifly®, assim como o sistema de dinâmica de voo baseado em focusSuite e o sistema de monitorização e controlo do segmento terrestre baseado em magnet.

Com 3500 Kg de peso, o satélite ficará situado a 150,5 graus de longitude Leste, oferecendo serviços de comunicação segura às mais de 11.000 sucursais do BRI e aos seus mais de 50 milhões de clientes, distribuídos por todo o arquipélago indonésio.