A GMV presente no acto anual da Fundação Mulheres por África

MxA I

Mónica Martínez Walter, presidente da GMV e membro do Patronato da Fundação Mulheres por África (MxA) à qual preside Maria Teresa Fernández de la Vega, esteve presente no acto anual da ONG no passado 16 de Novembro, o qual, sob o lema "Mulheres, líderes e africanas", contou com a intervenção de mulheres importantes em diversos âmbitos.

Ao acto, presidido por S. M. a Rainha D. Letícia, assistiram entre outras personalidades, a Presidente da Câmara de Madrid, Manuela Carmena; Ana Patrícia Botín, presidente do Banco Santander e patrona da Fundação; Ellen Johnson-Sirleaf, actual Presidente da Libéria e Prémio Nobel da Paz 2011; Obiagei Exekwisile, ex-ministra da Nigéria, ex-vice-presidente do Banco Mundial e promotora da campanha "bring back our girls"; e Wanjira Maathai, presidente da Fundação Green Belt Movement e filha da Prémio Nobel da Paz, Wangari Maathai.

MxA_II

O presidente da Universidade de Yale, Peter Salovey, também quis participar neste acto anual de forma virtual visto que a sua instituição é uma das principais colaboradoras da Fundação para promover a liderança das mulheres africanas.

D. Letícia aplaudiu o papel desempenhado pela MxA e destacou a necessidade de contribuir para que cada mulher chegue "onde desejar". Por sua vez, a presidente da Fundação, María Teresa Fernández de la Vega, fez referência à igualdade entre homens e mulheres como "único caminho para a paz", insistindo no seu empenho em contribuir para o desenvolvimento africano enquanto elemento essencial para a democracia e para o fomento da convivência.

O Conselho Assessor da Fundação, integrado por destacadas mulheres africanas e espanholas, procedentes de diferentes contextos, manteve uma reunião de trabalho antes do acto anual da MxA, no qual se elaborou uma declaração em defesa da paz, da democracia, da liberdade e da igualdade.